Brechózinho Xiq

Produtos e serviços proibidos

Os produtos considerados ilegais incluem, mas não se limitam, aos itens discriminados abaixo. Quaisquer anúncios de produtos, bens ou serviços em desacordo com as leis brasileiras serão rejeitados.

 

  • Drogas de qualquer tipo. Equipamentos e objetos destinados ao consumo ou fabricação de drogas.
  • Armas de qualquer tipo, inclusive réplicas, silenciadores, armas de fogo, armas de pressão, armas de brinquedo, acessórios para qualquer tipo de armas, roupas militares, etc;
  • Difundir informações pessoais ou de terceiros sem o devido consentimento;
  • Carros com dívidas (NP), com busca de apreensão (BA) ou sem documentação;
  • Substâncias químicas e perigosas (acetona, ácidos, venenos, cloro, amônia, mercúrio, etc);
  • Órgãos humanos, cadáveres, fluidos corporais, barriga de aluguel;
  • Medicamentos, equipamentos médico-hospitalares e equipamentos estéticos;
  • Produtos que representem degradação, assédio, ódio ou intimidação à indivíduos ou grupos de qualquer espécie e/ou natureza;
  • Fogos de artifício, explosivos e munições;
  • Prostituição e/ou pedofilia;
  • Itens que firam as Leis de Proteção do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural;
  • Itens roubados, falsificados, pirateados, contrabandeados ou tudo que viole patentes, marcas, modelos ou propriedade intelectual de forma geral;
  • Produtos para transmissão sob frequências restritas às autoridades de segurança (ex: rádio amador, PX);
  • Animais que não estejam listados em nossas regras, que encontram-se em risco de extinção ou que sejam proibidos pela lei ou por qualquer outra razão. Órgãos, membros e peles de animais;
  • Serviço de cirurgias estéticas para animais, como conchectomia (corte de orelha), caudectomia (corde da cauda), retirada das cordas vocais de cachorros e a retirada de unhas dos gatos;
  • Apostas, bingos e quaisquer jogos de azar;
  • Negociações ilícitas de documentos de identidade, CPF, passaporte, diplomas, etc;
  • Decodificadores de TV a cabo;
  • Pedidos de doação e fiador;
  • Ingressos de qualquer natureza (show, festivais, concertos, eventos, festas, esportes, cinemas, etc);
  • Produtos sem a homologação, aprovação e registro de órgãos governamentais como, por exemplo, ANVISA, INMETRO, ANATEL;